Brexit | Update

Lourenço Katzenstein junta-se à 58 Surf

Lourenço Katzenstein junta-se à 58 Surf

O surf começou apenas com 4 anos, ao lado do pai também surfista. Hoje, com 24, Lourenço Katzenstein aventura-se em mar pesado e já se vai fazendo notar. A 58 Surf orgulha-se de dar as boas vindas ao surfista da Ericeira. 

Lourenço sempre foi menino de se atirar ao mar. Apesar de nunca ter tido o sonho ou vontade de ser surfista profissional, é no surf que ele encontra a sua paz. A constante procura por ondas diferentes foi o que o levou a querer experimentar mar com tamanho.

Certo é que em 2018 foi distinguido com o prémio EDP Mar Sem Fim na categoria de Rookie do Ano”, devido à sua atitude e prestação ao longo da temporada na Nazaré, tendo no ano seguinte, 2019, ganho o prémio Maior Onda surfada”, também na Nazaré. “Além de querer estar a surfar sozinho, acho que ver o filme “Solid”, produzido pela Billabong, também deixou cá o bichinho. Só sonho ir surfar Teahupoo”, diz com convicção. 

A Ericeira é a sua casa e é onde podem encontrá-lo mais facilmente, mas Lourenço é um surfista versátil. Onde há onda é onde ele está. Pertencer à família 58 é fazer jus ao seu mote. “Para mim é uma honra estar ao lado de surfistas como o Gony, Marlon, Mafalda e João Maria Mendonça e também um desafio poder surfar com eles”, conclui. 

O vídeo, produzido pela White Flag Productions, com imagens adicionais de Tomás Belle e Pedro Madskills, dá a conhecer um pouco não só o surf de Lourenço Katzenstein, mas também o seu carácter e atitude.